3 Dicas Para Vender Coaching Pela Internet

Nada mais empolgante do que concluir uma formação em coaching. A sensação de poder ajudar a todos é enorme e saímos a campo para tentar mudar o mundo.

Poucos são os que já tem reputação e clientela nessa fase. O mais comum é que estejamos indecisos e a procura de pessoas a quem ajudar.

Elas estão em todo lugar, mas nem sempre é fácil encontrá-las, pois nem sempre sabemos como alcançar essas pessoas que precisam de nós coaches e talvez nem saibam disso.

Durante a minha formação eu conversava muito com os colegas a respeito de como fazer para atrair clientes para nossas sessões iniciais de coaching.

A maioria acreditava que isso seria mais fácil do que realmente foi. Eu mesmo tive dificuldades no início e tive que trabalhar muito, compilando informações sobre marketing e tecnologia para conseguir atrair meus primeiros clientes.

Apesar de ser especialista em tecnologia e marketing, me senti perdido em meio a tantas estratégias, técnicas e métodos para vender coaching pela internet.

Alguns colegas, sabendo que eu era especialista em tecnologia e marketing me procuravam para descobrir detalhes sobre como divulgar seus programas na internet.

Eu gravei um vídeo, que você acessa clicando na imagem abaixo, onde explico como aconteceu deu começar a ajudar coaches a criar seus processos de venda dos seus programas de coaching.

Foi uma colega que me questionou sobre um programa para ajudar aos colegas no que fosse necessário para atrair os clientes ideais.

Isso me trouxe a gravar esse vídeo e criar esse artigo para dar 3 dicas para vender coaching pela internet, que é o ambiente que eu domino.

As 3 Dicas

A primeira dica que eu tenho para te dar é escolher uma estratégia e seguir essa estratégia até que a mesma te traga um resultado.

Todo fracasso acontece porque deixamos de lado algo antes desse algo dar efetivamente resultado.

Não importa a técnica ou estratégia de divulgação que você for usar. Faça-a funcionar antes de decidir se ela é eficiente ou não.

A segunda dica também se refere a nossa tendência de trocar de rota o tempo todo.

Por mais perfeito que seja um plano, ele não sobreviverá ao campo de batalha.

Isso significa que, ao traçarmos planos podemos nos deparar com obstáculos antes mesmos de colocar o plano em ação e isso pode nos dar a falsa impressão de que o plano não é eficiente.

Para sabermos efetivamente se um método ou plano é eficiente, ele tem que ser posto em ação e dar algum resultado.

Somente assim poderemos afirmar categoricamente que aquele caminho tem um custo que não vale a pena pagar.

A terceira dica é saber a hora de trocar de plano.

É muito importante que só troquemos de plano quando obtivermos um resultado.

Dessa forma nós conseguimos ao menos medir o custo de cada resultado para tomar a decisão se aquele caminho é viável ou não.

Porém após entrarmos em ação nas primeiras vezes, em vias de regra os resultados são negativos, ou seja, escolhemos métodos que não se mostram eficientes, pelo menos com a experiência que temos em aplicá-los.

Nesse momento é importante que se tome a decisão de trocar o método e fazer o próximo método funcionar, para poder comparar os resultados e decidir qual melhor se adapta a nossa situação.

Dica Bônus

Uma quarta dica que eu vou dar nesse artigo é não apagar o que você fez para se divulgar.

Quando testamos métodos de divulgação pela internet, nós criamos páginas de captura, lista de emails, recompensas digitais, cartilhas, checklists, enfim, um mundo de coisas que nos tomam tempo e dinheiro.

Quando verificamos que o método que estávamos seguindo não é eficiente, temos a tendência de apagar tudo ou ao menos tirar do ar as páginas que poderiam estar captando prospectos.

A dica portanto é deixar no ar tanto as páginas, quanto as recompensas, pois cada ponto de contato das pessoas contigo aumentam as chances de você ser procurado para uma sessão inicial.

Fiquei presente para essa situação quando vi uma lista começar a crescer sem que eu tivesse ideia de como estava acontecendo.

Quando fui verificar, eu havia esquecido de tirar uma página do ar e essa página estava funcionando, ou seja, estava gerando uma lista de pessoas interessadas no meu trabalho.

Portanto não apague nada que você criou para se divulgar, pois será isso que te tratá mais resultados no futuro.

Se você gostou desse texto ou do vídeo, deixa um comentário abaixo para eu saber se esse artigo te ajudou.

Nos vemos no próximo artigo.

Um Abraço,

Felipe Baqui

PS: Não deixe de curtir o vídeo e a fan page do Grandes Conquistas no Facebook. Inscreva-se também no meu canal do Youtube para ser informado quando eu gravar o próximo vídeo.

 

Felipe Baqui

Felipe Baqui é analista de sistemas, advanced coach, especialista em desenvolvimento pessoal, tecnologia e marketing digital. Enfrentou aos 22 anos, a falência traumática de sua empresa. 10 anos depois começou um processo de autoconhecimento que possibilitou que hoje ele trabalhasse ajudando pessoas em processos de superação de grandes problemas.

Website: https://felipebaqui.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *